top of page
Search

A importância do RelGov nas grandes empresas


por Julia Lopes

Entende-se por Relações Governamentais o objetivo de capacitar as organizações para construir e fortalecer relações com o Estado e a sociedade, permitindo assim que as instituições públicas e privadas participem de diversos fóruns de discussão perante a sociedade civil.


Já nas grandes empresas as Relações Governamentais referem-se às interações e influências mútuas entre o setor empresarial e o governo. Essa relação pode ocorrer de várias maneiras e envolve uma ampla gama de atividades e interesses.


As grandes empresas investem para construir relacionamentos sólidos com decisores políticos e funcionários governamentais. Ao estabelecer as redes de relacionamento, essas empresas podem aumentar sua influência e ter acesso privilegiado a informações e oportunidades. Absolutamente tudo é avaliado e discutido de acordo com cada ocasião, o que exige uma estratégia específica e personalizada para cada cliente. Exatamente tudo é pensado para obter o melhor resultado.


Os responsáveis pelo monitoramento acompanham de perto o desenvolvimento das políticas governamentais relevantes para seus setores e consequentemente, seus clientes. Eles participam de consultas públicas, enviam comentários sobre propostas legislativas, fornecem dados e análises que respaldam suas posições e buscam influenciar a formulação dessas políticas.


A relação entre governo e grandes corporações também inclui o papel do governo na regulação e monitoramento das atividades empresariais. Os governos criam regras e regulamentos para proteger o interesse público, garantir a concorrência justa e abordar questões como proteção ambiental, direitos dos trabalhadores e responsabilidade social corporativa.


Vale a pena ressaltar que a relação entre o poder público e grandes empresas varia de país para país, dependendo do sistema político, das leis de financiamento de campanha e da cultura corporativa. Além disso, o equilíbrio de poder pode variar dependendo do setor econômico e do contexto específico em que ocorre a interação.


As discussões sobre a inclusão da prática do lobby na legislação avançam e a atividade já é inclusive reconhecida pelo Ministério do Trabalho. Dessa forma, principalmente quando ético e transparente, o lobby pode ser uma ferramenta útil para trazer a transformação positiva de que a sociedade precisa.


Dado o impacto da pandemia de coronavírus no engajamento social, o aumento maciço da demanda por profissionais de Relações Governamentais em instituições privadas e do terceiro setor e a necessidade de pensar nos cenários atuais e futuros na era da tecnologia. É oferecida uma nova perspectiva para quem quer se aprofundar no assunto. Portanto, é de se esperar que cada vez mais irá se popularizar a prática de relgov ao redor do mundo.

156 views0 comments
Post: Blog2 Post
bottom of page